CNA

Agro gera 4.645 novas vagas de trabalho no mês de julho

Nos sete primeiros meses do ano, o setor abriu 82.165 postos


A agropecuária gerou saldo positivo de 4.645 novas vagas de trabalho em julho, alta de 0,29% na comparação com junho. No acumulado dos sete primeiros meses de 2019, o setor abriu 82.165 postos, 5,28% a mais que o mesmo período do ano passado, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e desempregados (Caged), divulgado na sexta (23) pelo Ministério da Economia.

As principais atividades do setor agropecuário que apresentaram expansão de postos de trabalho em julho foram o cultivo de plantas de lavouras temporárias não especificadas, laranja e atividades de apoio à agricultura.

No total, o emprego formal no Brasil cresceu pelo quarto mês consecutivo e criou 43.820 vagas de trabalho com carteira assinada em julho, um crescimento de 0,11% em relação a junho. No acumulado de 2019, o total de novos postos gerados é de 448.623 vagas, elevação de 1,20% em relação ao período de janeiro/julho de 2018.

Dos oito setores econômicos incluídos no Caged, sete registraram mais contratações do que demissões em julho. Destaque na construção civil, que abriu 18.721 novos empregos, seguido por serviços, indústria da transformação, comércio, agropecuária, atividade extrativa mineral e serviços industriais de utilidade pública. Apenas a Administração pública teve saldo negativo.

Clique aqui e acesse os dados do Caged de julho

SEE ALSO ...